Posts

O que é FUE Robótico?

Muitas pessoas (em sua grande maioria homens, pois a calvície é mais comum neles) estão buscando clínicas especializadas para realizar o implante capilar. Por ser uma cirurgia que evoluiu tanto com os anos, os seus resultados são excelentes.

Existem duas técnicas principais para fazer o implante capilar, as quais são as mais utilizadas pelos médicos e mais escolhidas pelos pacientes: o FUT (em português, Transplante de Unidade Folicular) e o FUE (Extração de Unidade Folicular).

 

Diferenças entre FUT e FUE

Na técnica FUT, uma faixa de cabelo é removida da região com boa densidade de cabelo (chamada de área doadora) para ser transplantada na parte calva.

O problema desta técnica é que ela possui um longo tempo de cicatrização. Apesar de ser um procedimento cirúrgico mais rápido, o seu pós-operatório é mais doloroso, dura cerca de 30 dias, e é cheio de regras para precaução.

A técnica FUE extrai um folículo por vez de forma meticulosa. O tempo de cicatrização é bem rápido e a cirurgia não é invasiva. O equipamento, o time de médicos e a tecnologia de ponta são essenciais para que os resultados sejam eficazes. Por isso é importante escolher bem a clínica.

Um derivado desta técnica também anda chamando muita atenção por suas qualidades inovadoras: o FUE Robótico. Já ouviu falar nele? Acha esse nome curioso? Saiba mais sobre ele a seguir.

 

O que é o FUE Robótico e como ele funciona?

O FUE Robótico possui a mesma premissa do FUE tradicional: a retirada das unidades foliculares da área doadora e o implante delas na área calva. Isso permite que o resultado final fique natural e contínuo. Ninguém percebe que o cabelo dali foi implantado.

A grande diferença é, obviamente, a questão robótica. Neste caso, a primeira fase do procedimento cirúrgico (a extração dos folículos) é realizada por um braço robótico.

O paciente fica sentado em uma cadeira especial, na qual esse tal braço robótico retira os fios da região escolhida utilizando um punch (instrumento cirúrgico) e uma agulha.

Não se preocupe, pois é o médico que controla o robô através de um dispositivo remoto e um assistente que verifica tudo por um monitor. Tudo é arranjado perfeitamente para que a extração seja feita da forma mais eficaz.

O FUE Robótico reduz muito o tempo das cirurgias (que costumava ser bem longo), assim como permite uma maior remoção de unidades foliculares, já que o robô pode coletar por volta de 1000 folículos em um período de uma hora.

A segunda fase do FUE é a que mais precisa de meticulosidade e experiência médica. Por isso é o próprio cirurgião que a realiza (com auxílio de microscópios e outras tecnologias), colocando um folículo por vez na área com pouca densidade capilar.

 

Ficou interessado em realizar algum desses procedimentos ou o FUE Robótico em específico? Não deixe de procurar clínicas especializadas de qualidade com uma equipe médica de primeira para garantir que seu implante seja um sucesso!

 

A Mesoterapia para o Tratamento de Calvície

Embora o transplante capilar seja a primeira alternativa, algumas pessoas preferem tentar métodos não cirúrgicos para resolver o problema da calvície. Para essas, a mesoterapia pode ser a solução para reduzir a perda dos cabelos e estimular o crescimento sadio dos fios, além de ser um tratamento que deve ser realizado durante toda a vida após a cirurgia de transplante capilar para manter o resultado, pois a causa genética da Alopecia continua.

A queda de cabelo muitas vezes está relacionada à redução da circulação sanguínea no couro cabeludo, falta de nutrientes essenciais e desequilíbrios hormonais que afetam as unidades foliculares. Do mesmo modo, condições genéticas e até mesmo o estilo de vida promovem a redução dos fios.

 

O que é a Mesoterapia para tratamento de calvície?

 

A mesoterapia é um tratamento alternativo que ajuda a reduzir e a evitar a calvície em homens e mulheres. O procedimento regula os níveis das proteínas, vitaminas e outros nutrientes que afetam o crescimento dos fios.

O tratamento consiste na administração de compostos medicinais através de microinjeções superficiais (cerca de 1 mm) aplicadas no couro cabeludo. O que o médico irá injetar, entretanto, depende de cada caso. Geralmente são aminoácidos, ácidos nucléicos, antioxidantes, vitaminas, minerais e coenzimas.

Mas, para iniciar o tratamento, é necessário realizar uma avaliação clínica dos motivos da queda de cabelo. Tudo isso para que o composto seja eficaz na recuperação dos tecidos orgânicos e, consequentemente, estimule o crescimento dos fios.

Dessa forma, a mesoterapia é um tratamento seguro e indolor, além de não precisar de anestesia local.

 

Como é o procedimento?

 

A mesoterapia utiliza um procedimento para estimular quimicamente a área afetada pela calvície:

 

Ação Química Medicamentosa: Os medicamentos administrados via microinjeções estimulam a resposta adequada do tecido de acordo com a condição a ser tratada. Aqui, a qualidade do produto tem grande importância para o sucesso da mesoterapia.

 

Dessa maneira, a mesoterapia melhora a circulação sanguínea no couro cabeludo, neutraliza o excesso de DHT (hormônio que estimula a calvície), reduz inflamações e promove a produção de colágeno. As unidades foliculares aumentam de tamanho e, por isso, os fios crescem com força.

 

Vantagens da Mesoterapia

 

  • A técnica é segura;
  • Não envolve o uso de anestesia;
  • Garante recuperação rápida;
  • Praticamente indolor;
  • Pouco risco de efeitos colaterais, como alergias;
  • Aumenta o volume e estimula o crescimento do cabelo;
  • Previne a queda de cabelo e o avanço da calvície;
  • Fortalece o cabelo e restaura o brilho perdido.

 

As sessões de mesoterapia para calvície são rápidas e duram 15 minutos aproximadamente. São associadas ao laser de baixa potência na mesma sessão porque o laser potencializa a mesoterapia.

O resultado da mesoterapia é notado a partir de 4 sessões como a diminuição da queda de cabelo. Com 10 sessões a melhora é mais expressiva, pois o cabelo torna-se mais encorpado, grosso e o crescimento do fio mais evidente. O intervalo no procedimento da mesoterapia ideal é semanal nas primeiras 10 sessões para um resultado mais evidente e logo após este período, as sessões tornam-se quinzenais. O tratamento é contínuo para o resto da vida e caso interrompa as aplicações perde-se gradativamente o resultado, voltando a ser como era antes do tratamento!